Série que eu abandonei por motivos conceituais, 2018.

Fazer o abandono fazendo. Meus orgãos, minhas veias, meus canais energéticos. Inscrição sobre o papel. Já estão fora de mim. Os abandono do meu próprio corpo por simples motivos conceituais. Ponho-os para fora para poder respirar. Abrir mais espaço dentro de mim. Abandono para respirar. É algo que gosto, mas preciso abandonar. Pois o conceito não cabe